• Psicometria

Psicometria

Teoria dos testes a Psicologia e na Educação

  • Autor: Luiz Pasquali
  • Editora: VOZES
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$115,40


A primeira obra completa técnica sobre a psicometria clássica e moderna escrita em português. Ela trata da Teoria Clássica dos Testes (TCT) e da Teoria de Resposta ao Item (TRI) de uma forma técnica, mas adaptada ao leitor que não possui sofisticação em estatística e matemática. É um livro de capacitação para os pesquisadores em psicologia e educação, bem como em todas as áreas nas quais são desenvolvidos e utilizados instrumentos para a pesquisa científica e para a atuação profissional.


Sumário:

Introdução

Cap.1 - Origem e histórico da Psicometria

1 - Introdução
2 - Origem da Psicomotria
   2.1 - Apanhado histórico
   2.2 - Os testes psicológicos

Cap.2 - Teoria da Medida

1 - Introdução: Ciência e Matemática
2 - A natureza na medida
3 - A base axiomática da medida
   3.1 - Axiomas dos sistema numérico
   3.2 - Axiomas da medida
4 - Níveis da medida (Escalas de medida)
5 - Formas e unidades de medida
   5.1 - Formas de medida
   5.2 - Unidades de medida
6 - A medida em ciências psicossociais
   6.1 - Medida por lei
   6.2 - medida por teoria
7 - O problema do erro
   7.1 - Conceito de erro
   7.2 - Tipos de erro
   7.3 - A teoria do erro
8 - Importância da medida
   8.1 - Precisão
   8.2 - A simulação
Conclusão

Cap.3 - A medida Psicométrica

1 - Introdução
2 - Comportamento vs. traço latente
3 - Traço latente
4 - Sistema
5 - Propriedade
6 - Magnitude
7 - O problema da representação comportamental
   7.1 - Os parâmetros individuais dos itens
   7.2 - Parâmetros dos teste (grupo de itens)

Cap.4 - Os modelos da Psicometria: TCT e TRI

Introdução
I - O modelo da Psicometria Clássica
   1 - Introdução
   2 - O modelo
   3 - Derivações do modelo 
      3.1 - A média dos escores
      3.2 - A variância dos escores
      3.3 - A correlação entre os escores
II - O Modelo da Psicometria Moderna: TRI
   1 - A TRI e a teoria psicométrica clássica
   2 - Características da TRI
      2.1 - A teoria da TRI
      2.2 - Pressupostos da TRI
   3 - Modelos da TRI
      3.1 - Modelo logístico de 1 parâmetro
      3.2 - Modelo logístico de 2 parâmetros
      3.3 - Modelo logístico de 3 parâmetros
   4 - Determinação dos parâmetros de itens e aptidões
   5 - Ajuste do modelo (Model - Data Goodness-of-Fit)
      5.1 - O que quadrado (X²)
      5.2 - Análise dos resíduos
   6 - Invariância dos parâmetros
   7 - Aplicações da TRI
      7.1 - Banco de itens
      7.2 - Testes sob medida (computerized adaptive testing - CAT)

Cap.5 - Análise dos itens

Introdução
I - A análise Teórica dos Itens
II - A análise Empírica dos Itens
   Introdução
   A - A Análise Gráfica dos Itens
   B - A Análise Algébrica dos Itens
   B.1 - Unidimensionalidade dos Itens
      1 - Unidimensionalidade baseada na análise fatorial
      2 - Unidimensionalidade baseada na Teoria de Resposta ao Item
      3 - Unidimensionalidade baseada na análise fatorial Full Information
   B.2 - Dificuldade dos itens
   B.3 - Discriminação dos itens
         3.2.1 - Grupos-critério
         3.2.2 - Correlação item total
         3.2.3 - Avaliação crítica do cálculo da discriminação pela TCT
   B.4 - Validade dos itens
         4.1 - Correlação item e critério
         4.2 - A carga fatorial
         4.3 - Função de informação do item
   B.5 - Algumas relações entre parâmetro dos itens e do teste
   B.6 - Vieses de resposta
   Conclusão

Cap.6 - Validade dos testes
 
1 - Introdução
2 - Validade de construto
   2.1 - O erro de estimação
   2.2 - Análise da representação
      a) Consciência interna
      b) Análise fatorial
   2.3 - Análise por hipótese
   2.4 - A curva de informação da TRI
      2.4.1 - Função de informação do teste
      2.4.2 - Ponderação dos itens
      2.4.3 - Função da eficiência relativa
3 - Validade do critério
4 - Validade do conteúdo

Cap.7 - Fidedignidade dos testes

I - A teoria
II - Técnicas de estimação do coeficiente de fidedignidade
   1 - Os delineamentos
   2 - Técnicas estatísticas
      2.1 - A correlação
      2.2 - Coeficiente alfa 
      2.3 - Estimação da fidedignidade de uma bateria de testes
   3 - Casos específicos
      3.1 - Estimação do escore verdadeiro
      3.2 - Estimação da precisão das diferenças
III - Fatores que afetam a fidedignidade
   1 - Variabilidade da amostra de sujeitos
   2 - Comprimento do teste

Cap.8 - Normatização dos testes

Introdução
I - Padronização das Condições de Administração dos Testes Psicológicos
   1 - O material de testagem
   2 - Aplicação dos testes psicológicos (O ambiente de testagem)
      2.1 - Administração dos testes
      2.2 - Comportamento e vieses dos examinador
      2.3 - O direito dos testandos
      2.4 - Sigilo e divulgação dos resultados
II - Normatização dos Testes Psicológicos
   1 - Normas de desenvolvimento
      1.1 - A idade mental
      1.2 - Série escolar
      1.3 - Estágio de desenvolvimento
   2 - Normas intragrupo
      2.1 - Posto percentílico
      2.2 - Escore padrão
   3 - Normas referentes a critério
      3.1 - Testes referentes a critério
      3.2 - Tabelas de expectância
   4 - Normatização na TRI
   5 - Expressão dos escores em faixas

Cap.9 - Equiparação de escores

Introdução
1 - Os delineamentos
   1.1 - Um grupo único contrabalançado
   1.2 - Grupos randômicos (equivalentes)
   1.3 - Grupos não equivalente com teste de ancoragem
2 - Os métodos
   2.1 - Métodos lineares
      2.1.1 - Equiparação pela média
      2.1.2 - Equiparação linear
      2.1.3 - O caso do teste da ancoragem
   2.2 - Equiparação equipercentílica (os percentis)
   2.3 - Método da TRI      
 
Cap.10 - Os testes psicológicos e o computador: Flexibilizando a aplicação dos testes

1 - Função do computador na testagem psicológica
   1.1 - O computador como aplicador de testes (testes informatizados)
   1.2 - O computador como executor de testes (testagem adaptativa)
2 - Banco de itens
3 - Montagem de testes otimizados (optimal test assembly)
4 - Testes sob medida (computerized adaptive testing - CAT)
   4.1 - Regras para estimar a habilidade
   4.2 - Regras para escolher o primeiro item
   4.3 - Regras para escolher o próximo item
   4.4 - Regras para terminar a testagem

Cap.11 - Introdução à análise fatorial

1 -  Introdução
2 - O modelo da análise fatorial
3 - Propriedades das variáveis observáveis em termos dos fatores
4 - Componentes fatoriais da variância
5 - Derivação das variações empíricas a partir dos fatores

Apêndice A: Demonstração de algumas fórmulas
Apêndice B: Tabelas estatísticas
   Tabela A: Distribuição normal
   Tabela B: Teste t e correlação
Apêndice C: Programas de computador para Psicometria
Apêndice D: Programas em SPSS para análise de TNVRA

Referências

Índice de autores

Índice de assuntos


Detalhes do Produto

Título Psicometria
Subtítulo Teoria dos testes a Psicologia e na Educação
Autor Luiz Pasquali
Edição / Ano 5/2013
ISBN 9788532628893
Dimesões 16X23
Número de Páginas 399
Capa BROCHURA

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Etiquetas: Luiz Pasquali